A Praça de Cuba recebeu, nesta quinta-feira (13/02), a Feira Agroecológica e Solidaria de Sobral. A ação reuniu cerca de 50 expositores da agricultura familiar, que comercializaram alimentos cultivados a partir dos princípios agroecológicos. Participaram também da atividade outros produtores e grupos da Casa da Economia Solidária de Sobral, da sede e distritos do município.

Segundo o secretário da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Econômico (STDE), Inácio Ribeiro, “o apoio à agricultura familiar e a projetos de economia solidária são políticas públicas que o município desenvolve buscando assegurar trabalho e renda para os cidadãos sobralenses, principalmente os de vulnerabilidade social".

“É de grande importância a participação na feira com a exposição e comercialização de nossos produtos, que proporciona uma renda extra no final do mês para mim e todos os feirantes, além de ser um momento de ocupação e alegria. Gostaria de agradecer ao Cetra e à Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento de Sobral pela realização da feira”, disse Maria Rosirene de Araújo Cunha, 39 anos, da agricultura familiar e gastronomia.

A feira foi uma realização da Prefeitura de Sobral, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Econômico (STDE), da Rede de Feiras Agroecológicas e Solidárias do Ceará e do Centro de Estudos do Trabalho e de Assessoria ao Trabalhador (Cetra).