Na manhã desta quinta-feira (14/01), a secretária do Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Sandra Arcanjo, visitou a Casa da Economia Solidária (Rua Cel. Rangel, nº 194, Centro) para conhecer de perto a experiência e funcionalidade da residência. Na ocasião, ela dialogou com artesãs, costureiros e cozinheiros e garantiu melhorias no funcionamento, além de declarar futuros projetos.

A Casa da Economia Solidária é coordenada pela STDE e atende 16 grupos em vários segmentos, dentre eles se destacam o artesanato, ateliê de costura, agricultura familiar e a gastronomia. São beneficiados agricultores, artesãos e empreendimentos solidários da sede e dos distritos de Aracatiaçu, Jaibaras, Trapiá e Taperuaba.

Participaram também da visita a gerente de Projetos e Qualificação Profissional, América Rodrigues, a gerente da Economia Solidária, Livramento Albuquerque, e Nágila Arruda, responsável pelas ações da Casa.